Festa de Debutante Temática: Por que fazer uma?

debutante

Até algumas décadas atrás, a festa de debutante simbolizava o momento de apresentação daquela que estava saindo da infância, à sociedade.

Do momento em que a aniversariante entregava a boneca para uma outra criança até a valsa, dança tradicionalmente performada por casais, o evento era mais que uma comemoração. Representa a transição da menina à mulher.

Obviamente, tudo mudou e a participação social das crianças e adolescentes é maior e mais relevante. Esse momento, no entanto, não deixou de ser único, apenas se modernizou. E as meninas-mulheres sabem o que querem, têm poder de decisão e querem que tudo saia perfeito.

A festa clássica, com damas e cavalheiros, valsa e muita elegância ganhou ares de atualidade. As festas de debutantes temáticas são igualmente inesquecíveis. E o melhor! Têm a cara da aniversariante. Mais ainda? Podem ter de tudo, mesmo que sejam ambientadas em temáticas clássicas, um sambinha sempre cai mais do que bem ;).

Uma festa de debutante temática pode ajudar no planejamento

Nós já mostramos, passo a passo, como organizar um evento de sucesso. Porém, se você vai fazer quinze anos, deve estar muito ansiosa preparando o grande dia. Por outro lado, se você é pai ou mãe de aniversariante, com certeza já ganhou alguns cabelos brancos planejando a festa da sua filha. É preciso mesmo manter o rebolado para não cair do salto.

Escolher um assunto e trabalhar a partir dele simplifica o planejamento e transforma a organização em uma experiência prazerosa para a família. Com o tema definido, é mais fácil buscar referências para decoração, figurino, espaço, buffet, músicas para a festa de debutante, dançarinos e animadores de pista.

Outra vantagem de optar por uma festa de debutante temática é a infinidade de opções e referências, que tornarão o evento em uma ocasião diferenciada, à escolha da aniversariante. Pode ser criando o mundo mágico de Harry Potter; uma viagem pelo Oriente, Egito ou pelas Índias.

Se o glamour ditar a regra, Chanel, Victoria’s Secret e Vogue transformam o debut em um desfile de moda. Outra opção é combinar os figurinos com as amigas para recriar as princesas da Disney ou, quem sabe, incorporar o clima dos trópicos em uma festa cheia de cores, sabores e, claro, muita música.

Música para manter o clima lá no alto!

Imagine a cena: se escutam os tambores, tamborins e surdos enquanto o mestre, com seu apito, dá o ritmo. E, como se todo brasileiro já nascesse sabendo, os pés começam a se movimentar e a letra que, à capela parece impossível de ser lembrada, flui na boca de todos.

No país do carnaval, a tropicalidade pede um samba. Seja de raiz, canção ou rasgado. Mas até o frio congelante de Arendelle se derrete rapidinho com aquele samba enredo inesquecível, daqueles que fazem explodir o coração, ou levam-nos a homenagear as asas da liberdade que se abrem sobre nós. Nova York, que se apaixonou por Tom e Vinícius também canta, a plenos pulmões, “é hoje o dia da alegria. E a tristeza nem pode pensar em chegar”.

Com tanta alegria, a tristeza não chegará! E o mais importante. A aniversariante pode escolher o que quer ouvir. Músicas para festas de debutantes são incontáveis. Das melodiosas canções de amor de Martinho da Vila ao pagode, passando por uma bela roda de samba até um pagode puxado por um cavaco afinado, ou hits do momento acompanhado pela bateria em ritmo de samba..

E, se o assunto for colocar todo mundo para sambar, a gente não perde o compasso.